Home Cotidiano Petrolina encerra 2020 com um aumento de 22,9% no número de homicídios

Petrolina encerra 2020 com um aumento de 22,9% no número de homicídios

0

A Polícia Civil de Pernambuco divulgou um balanço sobre o número de homicídios em 2020. De acordo com relatório, houve um aumento em relação a 2019. Em Petrolina, no Sertão, foram 118 homicídios no ano passado, contra 96 em 2019, um aumento de 22,9%.

Para a polícia o ano passado foi desafiador, principalmente pela dificuldade causada pela pandemia. “2020 foi um ano extremamente desafiador principalmente em decorrência dessa pandemia, o que fez que a partir de março a polícia civil passasse a trabalhar com plantões extraordinários, o que reduziu um pouco a nossa capacidade operativa”, explicou o delegado”, afirmou o delegado e diretor integrado II, João Leonardo Cavalcanti.

No Sertão do estado, o crescimento no número de homicídios foi de 20%, superando a média de todo território estadual. Em 2020, essas mortes tiveram algumas características que chamaram a atenção da polícia civil. “Haviam alguns grupos criminosos atuando na região, principalmente no início do ano, no primeiro trimestre, nos quais eles foram identificados. Tivemos um trabalho muito importante e integrado no novo comando da polícia militar no sentido de identificar essas pessoas. E conseguimos concluir os inquéritos remeter a justiça. Conseguimos mandados de prisão”, esclareceu.

A Secretaria de Defesa Social divulgou ainda os números de homicídios em outras cidades do Sertão. Na maioria das cidades houve aumento. Em Araripina foram 19 mortes, contra 15 registrados em 2019. O número de homicídios em Salgueiro no ano passado foi de 19, superando as 11 mortes de 2019. Somente no município de Ouricuri houve uma redução. Foram 10 mortes em 2020, menor que o número de homicídios de 2019.

O delegado explicou ainda o que tem sido feito para que este ano sejam realizadas novas estratégias de trabalho pra reduzir esses números. “A gente vai fazer o monitoramento e os pilares desse plano são aumento das operações de repressão qualificada, aumento das operações integradas de intervenção táticas junto com os colegas da Polícia Militar, bem como uma prioridade na instrução dos inquéritos de homicídios consumados e também dos homicídios tentados”, destacou.

De acordo com a Secretaria de Defesa Social, em 2020 houve um aumento de 8,4 % no número de homicídios em Pernambuco, em relação a 2019. (Por: Roberto Gonçalves)

Souza Cobranca
Anderson

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 + treze =