Home Cotidiano Rejeitos de Brumadinho podem contaminar águas pernambucanas

Rejeitos de Brumadinho podem contaminar águas pernambucanas

0

Os efeitos do desastre ocorrido em Brumadinho, Minas Gerais, poderão ser sentidos pela população pernambucana. É o que temem pesquisadores da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), que estão realizando um estudo emergencial a partir de imagens de satélites para descobrir o alcance de uma provável contaminação da bacia do Rio São Francisco.

O responsável pelo estudo e pós-doutor em risco de desastres pela Universidade de Buenos Aires (Argentina), Neison Freire, está avaliando os volumes em quilômetros quadrados e a velocidade de movimentação da lama. “Teremos a extensão da área de contaminação até determinada data.

Saberemos se haverá possibilidade de atingir a bacia do São Francisco. Se houver contaminação lá, com certeza sentiremos aqui. Fatalmente o rioserá contaminado. Procuramos agora o nível de contaminação. Mais cedo ou mais tarde isso chegará à foz, em Piaçabuçu, Alagoas”, explicou o pesquisador. A bacia está ligada a mais de 500 municípios 18 milhões de pessoas.

Em Pernambuco, Neison demonstra preocupação especialmente com a produção frutiovinocultura de Petrolina. “Os elementos dessa vez são mais pesados que os da barragem de Mariana, rompida em 2015. Por isso temos mais energia cinética (que dá velocidade à lama) e mais poder de destruição”, avalia. (FOLHA PE)

Requinte
Anderson
Neto Móveis

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezoito − oito =