Ponte do Rio Pequí em Bodocó estará pronta até dezembro, diz governo...

Ponte do Rio Pequí em Bodocó estará pronta até dezembro, diz governo de PE

0
COMPARTILHAR

G1 PE / Foto: reprodução

O governo estadual inicia, nesta segunda-feira (20), um trabalho de recuperação das rodovias que passam pelo estado. O programa Caminhos de Pernambuco pretende realizar obras em 5.554 quilômetros de estradas e inicia os trabalhos nos dois sentidos da BR-232 entre Recife e Caruaru. O projeto engloba ainda outras 364 rodovias, que devem passar por obras até dezembro de 2022. O orçamento é de R$ 505 milhões.

Segundo a secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos do estado, Fernandha Batista, critérios de planejamento levaram a BR-232 a ser priorizada em relação a rodovias como a PE-545, em Bodocó, no Sertão do estado. Há mais de um ano sem uma ponte que dá acesso à cidade, os moradores do município utilizam um desvio para entrar e sair da região.

“O programa se baseia em um planejamento detalhado. É um trabalho importante que vai ser feito na BR-232, que vai ter um aumento significativo do fluxo no São João. Uma das metas prioritárias é a construção da ponte de Bodocó até dezembro, com previsão de ordem de serviço em junho”, afirma.

A PE-149, que dá acesso a municípios como IbirajubaLajedo e Altinho, no Agreste, também apresenta falta de conservação e riscos a motoristas e pedestres. A ausência de acostamento e o mato em excesso são alguns dos problemas da rodovia. Apesar de soluções paliativas como a Operação Tapa Buraco, é visível a necessidade de reparos permanentes na estrada.

“A Operação Tapa Buraco é um formato mais simples de ser contemplado. Em relação à PE-149, teremos equipes mobilizadas nessa localidade. O início das obras está previsto para 10 de junho”, afirma Fernandha.

Até 17 de junho, a previsão é ter 1.248 profissionais atuando na recuperação de rodovias em todo o estado, fazendo manutenções corretivas e preventivas nas estradas sob responsabilidade estadual.

“É um programa que tem sido monitorado pessoalmente pelo governador Paulo Câmara”, diz a secretária. No primeiro ano de execução do programa, a expectativa é recuperar 2 mil quilômetros de rodovias.

Mateus Net
Anderson
Requinte
Neto Móveis

DEIXE UMA RESPOSTA

quinze + 3 =